Mauro Cid responde apenas uma pergunta na CPI da Câmara Legislativa do DF: 'tenho 44 anos'

Apesar de ter decidido ficar em silêncio na CPI dos Atos Antidemocráticos, na Câmara Legislativa do DF, o ex-ajudante de ordens do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), Mauro Cid, respondeu uma pergunta feita durante a sessão, na manhã desta quinta-feira (24). "Tenho 44 anos", disse o militar ao ser questionado sobre a idade pelo deputado Daniel de Castro (PP). Durante a CPI dos Atos Golpistas, no Congresso Nacional, Cid chegou a receber a mesma pergunta de parlamentares federais. No entanto, disse que não iria responder. "Deputada, com todo respeito, mas para manter a coerência do que eu venho falando, eu permanecerei em silêncio", disse durante depoimento em julho. À época, os parlamentares chegaram a dizer que acionariam o Supremo Tribunal Federal (STF) por descumprimento da decisão que permitia que Cid ficasse em silêncio na Casa, mas somente para assuntos que pudessem incriminá-lo nos processos em que ele é investigado. DUAS HORAS DE SESSÃO 1 de 1 Tenente-coronel Mauro Cid na CPI da Câmara Legislativa do DF — Foto: TV Câmara Distrital/Reprodução O questionamento sobre a idade foi o único respondido por Mauro Cid durante as cerca de 2 horas de duração do depoimento dele na CPI dos Atos Antidemocráticos. Cid fez apenas um discurso inicial, em que disse que suas funções eram apenas protocolares e envolviam, inclusive, "receber presentes". Apesar de afirmar que não responderia a nenhum questionamento, logo no início da sessão, os deputados usaram o tempo disposto para questionar o militar. Veja AQUI todas as perguntas feitas a Mauro Cid O ex-ajudante de ordens está preso desde 3 de maio, suspeito de inserir dados falsos no sistema do Ministério de Saúde e adulterar carteiras de vacinação contra a Covid. É investigado, também, por mensagens em seu celular que tratavam de articulações para um suposto golpe de Estado. LEIA TAMBÉM: AJUDANTE DE ORDENS: Mauro Cid diz que 'recebimento de presentes' estava entre suas funçõesDELGATTI: deputados aprovam convocação de hacker investigado por invasão a sistema de Justiça 📱 Participe da comunidade do g1 DF no WhatsApp e receba as notícias no celular. Leia mais notícias sobre a região no g1 DF.
24/08/2023 (00:00)
Visitas no site:  2111557
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia