OAB no Rádio fala sobre realidade da advocacia em Valença

A rotina e os desafios enfrentados pela advocacia no município de Valença foram debatidos no OAB no Rádio desta terça (20). Para falar sobre o assunto, o programa recebeu o presidente da OAB-Valença, Alcides Bulhões. Realizado em parceria da OAB-BA com a Rádio ALBA, o programa é apresentado por Luiz Ganem e vai ao ar na Rádio ALBA e no perfil da OAB-BA no Instagram, sempre às terças e sextas-feiras, às 9h.  Ao abordar os problemas enfrentados pela classe, Alcides disse que "advogar na Bahia é um inferno, como diria Luiz Viana", e falou sobre a dificuldade da advocacia em acompanhar o andamento dos processos com a existência de diversos sistemas digitais. Sobre a pandemia, o entrevistado disse que, entre outros efeitos, a nova realidade mexeu com a saúde mental da advocacia. "Não era de se estranhar, porque, da noite para o dia, o advogado perdeu sua única fonte de renda, que era a audiência", constatou.  Com a nova realidade, Alcides disse que a subseção passou a ter um novo olhar para os colegas, por meio da atenção especializada, buscando "fazer diferente e trazer uma melhor qualidade de vida para a advocacia". Também na entrevista, o advogado informou que 70% da advocacia de Valença é formada por jovens e destacou o empenho da subseção em fortalecer a jovem advocacia com a realização de políticas e eventos voltados ao profissional em início de carreira. Alcides encerrou a entrevista falando sobre o lançamento da publicação "Direito, Cravo e Dendê", que reunirá artigos de diversos advogados sobre temas, como dano moral e mero aborrecimento. "Será uma oportunidade ímpar para que os colegas fazedores de direito possam aplicá-lo de acordo com o que tem sido produzido na nossa região", concluiu.
20/07/2021 (00:00)
Visitas no site:  1727994
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia